Granulobacter bethesdensis encontrada em nódulos linfáticos humanos

Nova bactéria descrita na revista PLoS Pathogens

14 dezembro 2006
  |  Partilhar:

 

Uma bactéria, até então desconhecida, foi encontrada, escondida em nódulos linfáticos humanos, revela um estudo publicado na revista PLoS Pathogens.
 

Uma equipa de cientistas está a investigar se uma bactéria Granulobacter bethesdensis, responsável por infecções crónicas em pacientes com uma rara doença do sistema imunitário, denominada Doença Granulomatosa Crónica (CGD).
 

 

A bactéria foi isolada num paciente com CGD que sofria de febre e perda de peso. Dado não terem conseguido tratá-lo com sucesso, os médicos enviaram-no para especialistas do National Institute of Allergy and Infectious Diseases (NIAID), órgão do governo norte-americano.
 

 

A equipa removeu parte dos nódulos linfáticos inflamados e começou a procurar a causa da infecção.
 

 

Os especialistas determinaram que o microrganismo misterioso é parente de uma família, chamada Acetobacteraceae, cujos membros podem ser encontrados em frutas, plantas e no solo. Também podem contaminar a fermentação do vinho e da cerveja e são usados industrialmente para fazer vinagre.
 

Para provar que a bactéria encontrada era a causadora do problema, a equipa injectou o microrganismo em ratinhos que possuíam uma versão da CGD e descobriu que a bactéria também infectou os nódulos linfáticos dos animais.
 

 

MNI-Médicos Na Internet
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.