Governo quer vender IPO para construir um novo

Ministério da Saúde negoceia com câmaras municipais de Lisboa e Oeiras

03 março 2006
  |  Partilhar:

 

O Ministério da Saúde quer vender os terrenos e o edifício onde está instalado o Instituto Português de Oncologia de Lisboa (IPO) e transferi-lo para outro sítio na capital ou em Oeiras.
 

 

De acordo com a imprensa nacional, o Ministério da Saúde já está em conversações com as câmaras de Lisboa e Oeiras para encontrar um sítio que substitua o actual IPO, que funciona entre Sete Rios e a Praça de Espanha, em Lisboa. O ministro da Saúde, António Correia de Campos, revelou ao Diário Económico que, não havendo terreno, a solução teria de passar pela realização de obras no edifício actual, que poderiam chegar aos 100 milhões de euros. "A solução passa por encontrar um terreno - em Lisboa ou Oeiras - , por um preço acessível, e construir um novo IPO com as verbas da venda do terreno do edifício actual, ou então investir cerca de 100 milhões de euros em obras nos próximos anos", disse o ministro ao DE.
 

 

Fonte: Lusa
 

Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.