Gala de solidariedade para com os doentes bipolares

Rui Veloso, Kátia Guerreiro e Fernando Tordo são alguns dos convidados

12 novembro 2003
  |  Partilhar:

A gala de solidariedade para com os doentes bipolares vai ter lugar na próxima terça-feira, dia 18 de Novembro, pelas 21:00h, no Teatro São Luiz, em Lisboa. Com o objectivo de angariar fundos para as actividades desenvolvidas pela APDB (Associação de Doentes Depressivos e Maniaco-Depressivos), a Gala vai contar com a participação especial de vários artistas, que se juntaram a esta causa, como Rui Veloso, Kátia Guerreiro, Fernando Tordo, Júlio Pereira, Gaiteiros de Lisboa, Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, Coro Stella Vitae, entre outros.Entre as várias participações, destaca-se a actuação da Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo que vai interpretar a obra «Missa» de Mozart, com coreografia de Vasco Wellenkamp. A gala vai terminar na terceira parte com a colaboração do coro masculino «Stella Vitae» e da Orquestra Olissipo.Durante a Gala estará, também, patente ao público uma exposição de pintura do Artista Plástico Raúl, que irá apresentar alguns dos seus mais recentes trabalhos.Este evento será o culminar de uma campanha de sensibilização, cuja a grande meta será a de provocar o debate e despertar a consciência social para o problema do doente bipolar, a sua integração na sociedade, bem como ajudar a APDB a enfrentar os problemas com que se debate diariamente enquanto apoia e protege estes doentes.Neste evento de solidariedade social, a receita de bilheteira reverte, na íntegra, a favor da Associação de Apoio aos Doentes Depressivos e Bipolares, assim como parte dos lucros da venda do CD «Viagem», o novo disco da Estudantina Universitária de Lisboa.A gala foi organizada pela Associação Portuguesa dos Doentes Bipolares (APDB), bem como pela Estudantina Universitária de Lisboa, a Tuna da Academia de Lisboa, representativa dos estudantes das Universidades Públicas e Privadas da Academia Olisiponense,  e contou com a parceria da Câmara Municipal de Lisboa. A doença Bipolar, também designada por Maníaco-Depressiva, é uma doença psiquiátrica caracterizada por variações acentuadas de humor, com crises repetidas de depressão e «mania». Qualquer dos dois tipos de crise pode predominar numa mesma pessoa, sendo a sua frequência bastante variável. As crises podem ser, moderadas ou leves.  Estima-se que a doença afecte cerca de 1,6 por cento da população mundial. Mais de 70 por cento das pessoas com bipolar estão mal diagnosticadas e sofrem os sintomas durante 10 anos até serem correctamente diagnosticados. E metade dos doentes pensam em suicídio, sendo que 10 a 20 por cento destes são bem sucedidosPaula Pedro MartinsJornalistaMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.