Frutos secos de casca rija diminuem risco de determinados cancros

Estudo publicado na revista “Nutrition Reviews”

23 junho 2015
  |  Partilhar:

O consumo de frutos secos de casca rija está de facto associado a um menor risco de desenvolvimento de certos tipo de cancro, mas não de diabetes tipo 2, conclui um estudo publicado na revista “Nutrition Reviews”.
 

O cancro e a diabetes tipo 2 são duas das doenças que mais impacto têm nos encargos da saúde pública, e alguns estudos têm sugerido que a prevalência destas duas doenças deverá continuar a aumentar. Já há algum tempo que a comunidade científica tem sugerido que o consumo de frutos secos de casca rija poderá ajudar na prevenção destas duas doenças. Contudo, até à data os dados obtidos têm sido inconsistentes.
 

Neste estudo os investigadores da Clínica Mayo e da Universidade do Minnesota, nos EUA, realizaram uma revisão sistemática de 36 estudos observacionais, que incluíram 30.708 pacientes, sobre o impacto do consumo de frutos secos de casca rija na prevenção das doenças.
 

O estudo apurou que o consumo de frutos secos de casca rija estava inversamente associado ao risco de cancro colorretal, cancro do endométrio e cancro do pâncreas, mas não de outro tipo de cancros ou diabetes tipo 2. “No geral, o consumo deste tipo de frutos foi associado a um menor risco de cancro”, revelaram, em comunicado de imprensa, os investigadores.
 

Apesar de muitos estudos terem avaliado o efeito preventivo dos frutos secos de casca rija, os autores referem que ainda há poucos dados disponíveis sobre a relação entre diversos tipos de cancro e consumo destes frutos. Assim é sugerido que são necessários mais estudos para avaliar estas relações com mais precisão.
 

“O nosso estudo sugere que o consumo de frutos secos de casca rija pode estar associado à redução do risco de cancro, podendo ter uma implicação prática. Paralelamente ao efeito benéfico dos frutos secos de casca rija nas doenças cardíacas, o nosso estudo pode implicar que os indivíduos interessados em fazer melhores escolhas alimentares para reduzir o risco de cancro e doenças cardíacas considerem o consumo de frutos secos de casca rija, depois de terem em conta o conteúdo calórico e de gordura dos diferentes tipos de frutos ", conclui o líder do estudo, Lang Wu.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.