Formação ensina a deixar de fumar

Curso da SPP conta com 500 profissionais de saúde

19 novembro 2007
  |  Partilhar:

 

Mais de 500 profissionais de saúde frequentaram já os cursos de formação para "ensinar" doentes a deixar de fumar da Sociedade de Pneumologia, que com a iniciativa pretende preparar os centros de saúde para os desafios da nova lei do tabaco.
 

 

Os cursos da Sociedade de Pneumologia, destinados principalmente aos clínicos gerais, têm uma duração de quatro horas e são divididos em duas partes: uma em que se transmitem conhecimentos gerais sobre tabagismo e outra em que se explica quais os passos que devem ser dados para levar um doente a deixar de fumar.
 

 

Além das consultas específicas para quem pretende abandonar o tabaco, todos os profissionais de saúde, desde o médico ao enfermeiro, devem perguntar sempre a um doente sobre os seus hábitos tabágicos, independentemente do tipo de consulta ou de exame em que esteja a participar. Também em qualquer consulta, o médico de clínica geral deve tentar perceber qual o grau de motivação do doente fumador para deixar de fumar.
 

 

Para ajudar na questão da mudança de comportamentos e de como lidar com os eventuais sintomas de privação, idealmente as consultas de cessação tabágica devem ser compostas não apenas por médicos, mas também por psicólogos ou psiquiatras, por nutricionistas e por enfermeiros.
 

 

No mês passado, a Direcção-Geral de Saúde emitiu uma circular a recomendar a todos os centros de saúde que criem consultas próprias para quem pretende parar de fumar a propósito da nova lei do tabaco, que entra em vigor a 1 de Janeiro.
 

 

Fonte: Lusa
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.