Fingolimod reduz em 50% recidivas em Esclerose Múltipla

Estudo apresentado na reunião anual da American Academy of Neurology

17 abril 2008
  |  Partilhar:

Um ensaio clínico conduzido no Hospital São Rafael, de Milão, em Itália, demonstrou que a administração do imunomodulador fingolimod reduz o número de recidivas de Esclerose Múltipla (EM).
 

 

O trabalho, apresentado na reunião anual da American Academy of Neurology, analisou 281 pessoas afectadas por EM com recaídas, às quais foi administrado o fármaco desenvolvido pela Novartis Pharma.
 

 

O estudo verificou que os voluntários que receberam o fármaco, também conhecido como FTY720, vivenciaram menos 50% do número de recaídas que os restantes participantes que só tomaram placebo. Segundo o líder da investigação, Giancarlo Comi, também se verificou uma redução da actividade inflamatória. Os efeitos secundários mais frequentes foram dores de cabeça e sintomas gripais.
 

 

Terapias anteriores para a EM (interferão beta e glatiramero) demonstraram uma redução de recaídas em apenas 30%, de acordo com o estudo.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.