Fertilidade futura em crianças com Doenças Oncológicas

Estudo liderado pelo especialista Mário de Sousa

20 abril 2008
  |  Partilhar:

As crianças de sexo masculino afectadas por Doenças Oncológicas poderão salvaguardar a fertilidade guardando células estaminais antes da aplicação dos tratamentos quimioterápicos, de acordo com Mário de Sousa, especialista em Medicina de Reprodução.
 

 

Um novo estudo, realizado em indivíduos adultos do sexo masculino que em criança foram afectados por uma doença oncológica, conclui que ao isolar células estaminais progenitoras antes da realização da Quimioterapia pode mantê-las vivas e férteis.
 

 

“Por enquanto conseguimos dividir as células, talvez daqui a dois anos possamos dizer que alcançamos a sua purificação total, conseguindo que estes adultos, que sofreram de doenças oncológicas em criança, possam ter filhos completamente saudáveis”, disse o especialista, que falava no âmbito do IV Ciclo de Conferências do Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte (ISCS-N).
 

 

O director do Serviço do Laboratório de Biologia Celular do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS) frisou que este novo estudo surgiu graças ao desafio de uma médica norte-americana que lhe pediu que se “dedicasse às suas crianças de Oncologia”.
 

 

Fonte: Lusa
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.