Fármaco para a diabetes diminui risco de cancro do pulmão em não fumadores

Estudo publicado na revista “Cancer Prevention Research”

05 fevereiro 2015
  |  Partilhar:

A toma de metformina pode reduzir o risco de cancro do pulmão nos diabéticos não fumadores, sugere um estudo publicado na revista “Cancer Prevention Research”.
 

Vários estudos anteriores já tinham sugerido que a metformina pode prevenir o cancro, mas os dados de estudos realizados em humanos têm sido contraditórios. Assim, neste estudo, os investigadores da Divisão de Investigação do Kaiser Permanente, nos EUA, decidiram clarificar esta possível associação.
 

O estudo incluiu a participação de 47.351 indivíduos com diabetes, 40% dos quais homens, com 40 ou mais anos de idade, que preencheram um questionário médico entre 1994 e 1996. Através do processo eletrónico dos pacientes foram recolhidos dados sobre a toma de medicamentos para o tratamento da diabetes. Verificou-se que 46% dos pacientes tomava metformina. Ao longo dos 15 anos do período de acompanhamento, 747 foram diagnosticados com cancro do pulmão.
 

O estudo apurou que, em geral, a toma de metformina não foi associada a um menor risco de desenvolvimento de cancro do pulmão. Contudo, o risco foi 43% menor para os diabéticos que nunca tinham fumado e o risco parecia diminuir com o consumo prolongado do fármaco. Apesar de o resultado não ter sido estatisticamente significativo, os pacientes que não fumavam e tomavam metformina durante cinco ou mais anos apresentavam um risco 52% menor de desenvolver cancro do pulmão.
 

Os investigadores, liderados por L. A. Habel, verificaram ainda que a toma de metformina ao longo de cinco ou mais anos foi associada a uma redução de 31% no risco de desenvolver adenocarcinoma, o tipo mais comum de cancro diagnosticado entre os não fumadores. Por outro lado, houve um aumento de 82% no risco de carcinoma de pequenas células, frequentemente diagnosticado entre os fumadores, mas estes resultados não foram estatisticamente significativos.
 

“A toma de metformina não foi associada ao risco de cancro do pulmão quando analisámos todos os pacientes com diabetes. Contudo, os nossos resultados sugerem que o risco pode diferir de acordo com os hábitos tabágicos, com a metformina a diminuir o risco entre os não fumadores e a aumentar entre os fumadores”, revelou, em comunicado de imprensa, o primeiro autor do estudo, Lori Sakoda.
 

Na opinião do investigador, são necessários mais estudos para clarificar se a metformina pode ser utilizada na prevenção do cancro do pulmão ou de outros cancros, particularmente em subpopulações específicas, como os não fumadores.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.