Fármaco diminui recidiva de cancro da mama

Medicamento prolonga vida de pacientes, aponta estudo

14 outubro 2003
  |  Partilhar:

Investigadores canadianos ficaram tão encorajados com os primeiros resultados de um estudo internacional sobre prevenção da recorrência do cancro da mama que o suspenderam para o alargar a mais pacientes.Segundo o estudo, divulgado na edição on-line do New England Journal of Medicine, pacientes com cancro da mama que tomaram Letrozole (um supressor de estrogénios), depois de cinco anos de terapia com Tamoxifen, conseguiram reduzir para quase metade o risco de recidiva.Médicos envolvidos no estudo afirmam que esta descoberta pode beneficiar centenas de milhar de mulheres tratadas com Tamoxifen, que combate os cancros de crescimento estimulado por estrogénios mas perde eficácia em cinco anos.O estudo envolveu 5.187 mulheres menopáusicas na América do Norte e na Europa que sofrem da forma mais comum de cancro da mama e concluíram o tratamento recomendado de cinco anos com Tamoxifen.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.