Exposição solar ajuda a protege os rins dos homens

Estudo publicado na revista “Cancer”

11 março 2010
  |  Partilhar:

Os homens que trabalham ao ar livre e que se expõem a altos níveis de luz solar são menos propensos a desenvolver cancro nos rins, refere um estudo publicado na revista “Cancer”.

 

Investigações anteriores sugeriam que a vitamina D, que se metaboliza nos rins e que se obtém a partir da exposição ao sol e da alimentação, poderia ajudar a prevenir alguns tipos de cancro.

 

Neste novo estudo, realizado por investigadores do National Cancer Institute dos EUA, participaram 1.097 pacientes, de ambos sexos, com cancro renal e 1.476 pessoas saudáveis, todos europeus, que foram entrevistados sobre o seu historial laboral e outras informações demográficas.

 

Os homens com maiores níveis de exposição solar relacionada com o seu tipo de trabalho apresentaram uma probabilidade de sofrer deste tipo de cancro entre 24 e 38% inferior à dos homens que não se expunham à luz solar. Esta associação entre a exposição solar relacionada com o trabalho e o risco de cancro dos rins não foi, contudo, observada nas mulheres.

 

Para a líder da investigação, Sara Karami, o motivo pelo qual as mulheres não são beneficiadas ainda é desconhecido, mas poderá estar relacionado com as diferenças hormonais que influem sobre o modo como o organismo responde à luz solar, com o facto de as mulheres serem mais propensas a usar protector solar e também com o hábito dos homens de trabalharem sem camisa ao ar livre.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.