EUA aprova analgésico à base de veneno de caracol marinho

Fármaco pode substituir morfina por não ser narcótico

30 dezembro 2004
  |  Partilhar:

 

 

 

 

As autoridades de saúde dos Estados Unidos autorizaram a venda de um analgésico cuja matéria-prima é a forma sintética de um veneno de caracol marinho, foi hoje noticiado.
 

 

O medicamento aprovado pela Administração de Alimentos e Fármacos pode ser aplicado para o tratamento de dores graves e crónicas ligadas ao cancro, à SIDA ou a doenças do sistema nervoso.
 

 

Este novo analgésico actua bloqueando as células nervosas responsáveis por transmitir as sensações de dor. Segundo a versão na Internet do jornal The Washington Post, o medicamento deve ser usado em último recurso em pacientes com dores intensas e pode substituir outros medicamentos à base de ópio, como a morfina.
 

 

«Este fármaco é muito promissor porque é um analgésico muito potente, mas não é narcótico (que causa sonolência)», sublinhou Richard Racuk, responsável do Centro Médico da Universidade norte- americana Wake Forest.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.