EUA alertam para perigo de tartarugas domésticas

Informação veiculada pela autoridade sanitária

15 julho 2007
  |  Partilhar:

 

As autoridades sanitárias americanas identificaram pelo menos 23 casos, um dos quais mortal, de salmonella transmitida pelas tartarugas domésticas no último ano, estando no entanto, a sua venda proibida no país desde 1975.
 

 

Uma bebé com um mês morreu a 1 de Março na Florida, algumas semanas depois de um amigo ter oferecido aos pais da criança uma pequena tartaruga comprada numa feira, informa a revista do Centers for Disease Control and Prevention (CDC). A criança morreu devido a uma infecção por salmonella idêntica à encontrada na tartaruga.
 

 

Em apenas um ano, o CDC recebeu a informação de 22 outros casos de pessoas, essencialmente crianças e jovens, atingidas por salmonella após terem estado em contacto directo com tartarugas cujas análises provaram serem portadoras da bactéria.
 

 

As tartarugas, tal como todos os répteis, são reservatórios de salmonelas mas apesar disso, são frequentemente oferecidas a crianças como animal de estimação.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.