Estudo vai avaliar depressão nos adolescentes portugueses

Projecto vai ser desenvolvido em 26 escolas do país

13 maio 2011
  |  Partilhar:

Cerca de dois mil jovens de 14 anos vão participar num estudo de prevenção da depressão na adolescência, que, segundo a responsável do projecto, Ana Paula Matos, é um “flagelo nacional”, com 14% da população-alvo a manifestar sintomas depressivos.

 

Actualmente, o projecto "Prevenção da Depressão na Adolescência: Importância e Implicações" (PDAII), a ser desenvolvido em Portugal há três anos, envolve mil jovens, mas o objectivo é duplicar este número.

 

O projecto, a ser desenvolvido já em 13 escolas do país, deverá também ser alargado a mais 13 estabelecimentos de ensino, revelou à agência Lusa, Ana Paula Matos, docente da Universidade de Coimbra responsável pelo Centro de Investigação do Núcleo de Estudos de Intervenção Cognitivo Comportamental da Faculdade de Psicologia e das Ciências da Educação (CINEICCFPCE), da Universidade de Coimbra.

 

O alvo do estudo é um grupo de jovens com 14 anos, cuja taxa de incidência de factores depressivos é, segundo a investigadora, de 14%o. Entre os sintomas destaca-se a irritabilidade - considerado o principal factor que traduz a existência de depressão entre os adolescentes -, além da manifestação de tristeza e problemas de alimentação, de sono ou de comportamento.

 

O estudo tem como base um inquérito aos jovens, mas envolve também uma abordagem genética, mediante autorização dos pais ou encarregados de educação.

 

O PDAII é um projecto internacional em que participam também a Islândia, os EUA e a Alemanha e tem origem nos estudos sobre o comportamento do professor americano Craig EAB (Experimental Analysis of Behavior). A iniciativa será financiado pela Fundação da Ciência e Tecnologia em 130 mil euros, adiantou Ana Paula Matos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 1 Comentar

Depressão

O assunto me preocupa e acabo de ter a noticia de uma amiga que se suicidou de madrugada, estava sob medicamentação do psiquiatra. Me contaram que está mesmo na bula dos antidepressivos como contra indicação. Infelizmente esta amiga nunca veio fazer a psicanálise keppeana que eu eu faço a qual não usa qualquer medicamento para o tratamento e realmente sou muito grata.
Por isso gostaria de recomendar para o estudo deste assunto o site www.trilogiaanalitica.org e o documentario com o Norberto Keppe http://www.stop.org.br/site/catalogo/arquivos.php?idarquivo=889

Espero poder colaborar para ajudar meus amigos e as gerações futuras a sofrerem menos deste mal.
Grata
Gisela

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.