Estudo vai analisar emoções dos alunos

Projecto do Instituto Politécnico de Castelo Branco e da Universidade espanhola da Extremadura

15 setembro 2011
  |  Partilhar:

O Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) e a Universidade espanhola da Extremadura (UEx) estão a desenvolver um estudo transfronteiriço sobre as emoções dos alunos.

 

O projecto está a ser implementado no domínio da educação emocional e social e abrangerá crianças do 3.º e 4.º ano do 1.º ciclo do ensino básico da região de Castelo Branco. O presidente do IPCB, Carlos Maia, explicou à agência Lusa, que o projecto visa “melhorar e desenvolver a inteligência emocional nas crianças envolvidas no estudo”.

 

A equipa de investigação é composta por docentes da Escola Superior de Educação de Castelo Branco (Cristina Pereira, Ernesto Candeias Martins e Joaquim Picado) e da Universidade da Extremadura (Eloisa Guerrero Barona e Juan González Hermosell). Os investigadores querem conhecer o que são as emoções por parte dos alunos, desenvolver um adequado controlo das emoções, reajustando-as à personalidade de cada aluno, contribuir para a aquisição da inteligência emocional e promover um clima positivo na turma e na sala de aula.

 

Os investigadores pretendem ainda melhorar a auto-estima pessoal e profissional dos docentes envolvidos e apresentar aos pais das crianças a importância da inteligência emocional na aprendizagem dos filhos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.