Estudo sobre Síndrome de Williams ganha prémio Pfizer

Investigação da Universidade de Coimbra

27 novembro 2006
  |  Partilhar:

A descoberta de novos mecanismos que provocam Perturbações da Visão, nos casos de Síndroma de Williams, que ajudará a conceber técnicas de treino para os doentes, venceu o Prémio Pfizer 2006 de Investigação Clínica, e foi entregue na semana passada em Lisboa.
 

 

Realizado por uma equipa do Instituto Biomédico de Investigação da Luz e Imagem (IBILI) da Universidade de Coimbra, o estudo concluiu que, ao contrário do que se pensava, os mecanismos neuronais de lesão a nível da retina e do cérebro são independentes, devendo conduzir "a estratégias diferenciadas de reabilitação cognitiva", revelam os autores do estudo.
 

 

Os investigadores - Miguel Castel-Branco, Mafalda Mendes, Ana Sebastião, Aldina Reis, Mário Soares, Jorge Saraiva, Rui Bernardes e Eduardo Silva - colocaram a hipótese de alguns défices visuais terem uma origem na retina, o que poderia condicionar uma resposta diferente a estratégias de reabilitação.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.