Estudo revela que antidepressivos são seguros no geral

Estudo publicado na revista “JAMA Psychiatry”

09 outubro 2019
  |  Partilhar:
Investigadores da Universidade Lonköping, na Suécia, observou que a toma de antidepressivos no geral não tem consequências danosas para a saúde.
 
Os antidepressivos são o terceiro fármaco mais receitado no mundo e o quarto mais vendido. O seu uso gera controvérsia, pois vários estudos afirmam que trazem consequências adversas para a saúde, enquanto que outros afirmam o contrário.
 
O presente estudo incidiu sobre a observação de dados de 45 meta-análises que incluíam mais de 1.000 estudos observacionais. 
 
Estes estudos serviram para verificar a diferença entre indivíduos que foram expostos a tratamento com antidepressivos e indivíduos que não, sem intervenção de investigadores, e relatavam pessoas de todas as idades, situações psiquiátricas e situações de saúde adversas.
 
Marco Solmi, que co-liderou este estudo, revela que a equipa descobriu que os efeitos adversos que foram relatados nos estudos como sendo despoletados pelos antidepressivos na verdade tinham como origem o problema psiquiátrico para que os fármacos haviam sido receitados.
 
Solmi afirma ainda que os estudos observacionais apresentavam enviesamentos, como a falta de randomização, mas conclui que, apesar de se mostrar agora que os antidepressivos são seguros no geral, os efeitos adversos devem ser monitorizados e analisados pelos médicos durante a toma.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A. 
Partilhar:
Comentários 0 Comentar