Estudo avalia tesofensina na perda de peso

Trabalho publicado na revista “The Lancet”

22 dezembro 2008
  |  Partilhar:

Um estudo publicado na revista “The Lancet” dá conta da eficácia e segurança da tesofensina (fármaco pertencente à classe de inibidores selectivos da recaptação da serotonina e da noradrenalina) em pacientes obesos.

 

No estudo, que se encontra na fase II, foram avaliados pacientes obesos submetidos a uma dieta de restrição calórica em conjunto com a toma de tesofensina em diferentes dosagens (0,25 mg, 0,5 mg, 1,0 mg) ou placebo uma vez ao dia, durante 24 semanas.

 

A perda média de peso obtida com o uso de placebo foi de 2%. O uso da tesofensina 0,25 mg, 0,5 mg e 1,0 mg e dieta induziram, em média, a uma perda de peso de 4,5%, 9,2% e 10,6%, respectivamente.

 

No resumo do artigo, os investigadores referem que a dosagem de 0,5 mg parece ter um potencial de produzir uma perda de peso duas vezes superior que a registada nos fármacos actuais.

 

Os efeitos secundários mais frequentemente apontados foram boca seca, náuseas, prisão de ventre, diarreia e insónia.

 

Após 24 semanas, a toma de tesofensina nas doses de 0,25 mg e 0,5 mg não causou aumentos significativos nas pressões sistólica e diastólica, em comparação com a registada no grupo que recebeu placebo, mas a frequência cardíaca subiu 7,4 batimentos por minuto no grupo ao qual foi administrada tesofensina 0,5 mg.
 

 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 4
Comentários 4 Comentar