Estratégia global contra consumo abusivo de álcool

Organização Mundial de Saúde avança medidas

24 maio 2010
  |  Partilhar:

Uma estratégia global para reduzir o abuso no consumo de álcool foi aprovada, na semana passada, pelos 193 membros da Organização Mundial de Saúde (OMS), na sequência de uma votação unânime, que também acolhe o apoio da indústria.

 

Entre as várias medidas propostas no documento estão uma descida dos valores permitidos de álcool no sangue para condutores e uma limitação do horário de bares e de lojas de bebidas. A OMS quer ainda que a publicidade não tenha como alvo os jovens, mesmo quando têm idade legal para beber.

 

O Grupo Global de Produtores de Álcool, que inclui nomeadamente marcas como Heineken, Diageo e Anheuser-Busch InBev, manifestou disponibilidade para trabalhar contra o abuso das bebidas alcoólicas e apoiou as idades mínimas de consumo e as regras sobre a ingestão de álcool e a condução.

 

O consumo abusivo de bebidas alcoólicas é o terceiro maior factor de risco para problemas de saúde e morte prematura no mundo, com 2,5 milhões de mortes por ano, informou a OMS.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.