Estranha infecção atinge quem contacta com aquários

Cientistas francesas alertam para «tuberculose dos peixes»

05 novembro 2003
  |  Partilhar:

O Instituto de Vigilância Sanitária (InVS) na França revelou o registo de um surto de casos de uma rara infecção de pele entre criadores de peixes de aquário. A infecção teria acontecido logo após a mudança da água nos tanques ou o manuseio de peixes.
 

 

Chamada informalmente de «tuberculose dos peixes», a infecção é provocada por um microorganismo conhecido Mycobacterium marinum (granuloma de aquário), frequentemente encontrado na água de aquário, em reservatórios, na água do mar ou em piscinas mal-cloradas.
 

 

Entre 1996 e 1998, a França registrou 63 casos desse tipo de infecção, segundo o boletim epidemiológico semanal do InVS.
 

 

Dada a actual onda de interesse público em aquários, os cientistas decidiram alertar as pessoas que têm aquário em casa ou comerciantes de frutos do mar para usar luvas ao limpar os tanques ou manusear peixes, bem como usar anti-sépticos para tratar cortes ou arranhões na pele.
 

 

 

Traduzido e adaptado por:
 

 

 

Paula Pedro Martins
 

 

 

Jornalista
 

 

 

MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.