Estatinas podem promover benefícios inesperados na Insuficiência Cardíaca

Meta-análise publicada no portal “DocNews”

19 novembro 2007
  |  Partilhar:

Além de diminuir os níveis do LDL (“mau-colesterol”) e os triglicéridos, as estatinas também trazem benefícios aos doentes com Insuficiência Cardíaca Isquémica e Não-Isquémica, revela um estudo publicado no portal “DocNews”.
 

 

As estatinas, ou inibidores da HMG-CoA redutase, são conhecidas por reduzirem os níveis do LDL e os triglicéridos, além de aumentarem os níveis do HDL (“bom-colesterol”);São também usadas na prevenção da Doença Cardíaca Arterial e do Enfarte do Miocárdio.
 

 

Investigadores liderados por Kumudha Ramasubbu, da Baylor College of Medicine, Texas, EUA, encontraram novos benefícios do uso de estatinas, ao conferirem 11 estudos, os quais envolveram 120 mil pacientes com insuficiência cardíaca que faziam medicação com este fármaco.
 

 

O estudo avaliou os efeitos das estatinas na mortalidade dos pacientes e os seus efeitos em pacientes com Insuficiência Cardíaca Isquémica e Não-Isquémica.
 

 

Esta meta-análise revelou que os pacientes que usavam estatinas tinham risco de mortalidade 30% menor do que aqueles que não usavam a medicação. O que mais intrigou os cientistas foi que os pacientes com Insuficiência Cardíaca Não-Isquémica beneficiaram do uso tanto quanto aqueles com Insuficiência Cardíaca Isquémica.
 

 

Os investigadores surpreenderam-se com o benefício observado em pacientes que não tinham isquemia, nos quais a Cardiomiopatia não era causada por doença arteriosclerótica.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.