Estado de Saúde da Mulher Portuguesa

Estudo da Sociedade Portuguesa de Cardiologia

29 junho 2006
  |  Partilhar:

Na sequência do maior rastreio até hoje efectuado em Portugal (mais de 10 mil avaliações dos níveis de colesterol, hipertensão, obesidade, entre outros factores) a Sociedade Portuguesa de Cardiologia apresentou ontem, na Casa do Coração, resultados que permitem ter uma ideia concreta do Estado da Saúde da Mulher Portuguesa. Cerca de 5% das mulheres portuguesas com mais de 40 anos poderão ter um problema cardiovascular fatal nos próximos dez anos, revela o estudo que realça ainda o facto de 82% das mulheres com mais de 18 anos apresentam pelo menos um dos factores considerados de risco de provocar uma doença cardiovascular, principalmente excesso de peso, falta de exercício e hipertensão e colesterol elevados. Do total de mulheres entrevistadas, 64% apresentavam excesso de peso e 69% delas não pratica regularmente exercício físico; 47% tinham hipertensão arterial e 35% excesso de colesterol. Em termos de faixas etárias, o sedentarismo (72%) e o colesterol elevado (20%) são os principais factores de risco em mulheres com menos de 40 anos. MNI- Médicos na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.