Espaço de acolhimento temporário do Aeroporto de Faro com cuidados de saúde

ARS/Algarve realça o caráter inovador deste espaço

27 agosto 2014
  |  Partilhar:

O espaço equiparado a Centro de Instalação Temporária do Aeroporto de Faro começou hoje a ter atendimento na área da saúde, na sequência de um protocolo entre o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) e a Administração Regional de Saúde do Algarve (ARS).


Em comunicado à agência Lusa, a ARS/Algarve realçou que é a primeira vez em Portugal que este tipo de espaços de acolhimento temporário disponibilizam este tipo de serviços de saúde.


Maria de Fátima Teixeira, a diretora regional do Algarve do SEF, contou que este protocolo já vinha a ser preparado há algum tempo e que a crescente preocupação com o Ébola despoletou este arranque.


Estes espaços existentes nos aeroportos de Lisboa, Porto e Faro acolhem temporariamente pessoas que não podem circular livremente no território português por decisão judicial de expulsão, administrativa ou por não reunirem condições para entrar em Portugal, explicou à Lusa Maria de Fátima Teixeira.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.