Escola para formação de profissionais em radioterapia de dose única

Iniciativa da Fundação Champalimaud

13 setembro 2012
  |  Partilhar:

A presidente da Fundação Champalimaud anunciou esta semana o lançamento de uma plataforma conjunta com uma instituição científica internacional para a realização de investigação em cancro e a criação de uma escola para formação de profissionais em radioterapia de dose única.


A notícia avançada pela agência Lusa refere que Leonor Beleza sublinhou a continuação do reforço da cooperação com instituições científicas internacionais na investigação com base clínica do cancro.


“A Fundação Champalimaud detém um conjunto de patentes que têm a ver com o diagnóstico precoce e a personalização do tratamento em situação de cancro que são a base da investigação e que vamos desenvolver com efeitos clínicos na área do cancro, numa plataforma conjunta com o Mount Sinai Hospital, de Nova Iorque”, disse.


De acordo com a responsável, esta colaboração científica tem como objetivo prosseguir a procura de tratamentos mais personalizados, adaptados a cada situação concreta e com menos efeitos secundários negativos.


Por outro lado, foi também anunciada a montagem de uma escola para formar médicos e outros profissionais de saúde na utilização de aceleradores lineares, que permitem fazer tratamentos de radioterapia de dose única.


Este tratamento substitui o tratamento tradicional fracionado por tratamentos de dose única, dados em muito menos tempo, com maior concentração e, do ponto de vista de incidência, com maior precisão, especificou.


ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.