Escândalo na Plataforma Mundial de Células Estaminais

Pioneiro da clonagem demite-se por fraude nas doações

05 dezembro 2005
  |  Partilhar:

 

 

O investigador sul-coreano Hwang Woo- Suk, perito em genética e pioneiro da clonagem, demitiu-se na semana passada de todas as suas funções depois de admitir a utilização de óvulos de colaboradoras em experiências e pagamentos a dadoras.
 

 

Hwang Woo- Suk demitiu-se da Plataforma Mundial de Células Estaminais (primeiro banco de células estaminais com vocação internacional, inaugurado em 19 de Outubro em Seul), e de todas as outras responsabilidades oficiais no governo e nas organizações sociais. Horas antes de ter apresentado a sua demissão, o governo sul-coreano tinha ilibado o cientista, que é venerado como um ídolo no seu país, de quaisquer infracções de ordem ética.
 

 

Em 2003, membros da equipa de Hwang Woo-Suk cederam óvulos para experiências e algumas dadoras foram pagas. Os óvulos contribuíram para a clonagem do primeiro embrião humano, em 2004. Hwang disse só ter sabido da origem dos óvulos em Maio de 2004, quando a revista Nature alertou para a existência de violações de regras éticas que proíbem doações de membros de equipas de investigação, susceptíveis de serem alvos de pressões. A ética profissional também proíbe pagamentos a dadores.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.