Enxaqueca, dores de cabeça e síndrome do cólon irritável estão associados?

Estudo da Universidade de Istambul

26 fevereiro 2016
  |  Partilhar:

A enxaqueca e as dores de cabeça de tensão parecem estar geneticamente associadas à síndrome do cólon irritável, dá conta um estudo apresentado no 68º Encontro Anual da Academia Americana de Neurologia.
 

A síndrome do cólon irritável é um distúrbio do sistema digestivo, caracterizado por dor e desconforto abdominal, bem como alterações no padrão da evacuação intestinal. Apesar de não se saber qual a causa exata da doença, os investigadores têm sugerido que a condição pode ser resultante de alterações na forma como o intestino, cérebro e sistema nervoso comunicam.
 

Adicionalmente, alguns estudos têm demonstrado que os indivíduos com síndrome do cólon irritável e outros distúrbios gastrointestinais têm frequentemente dores de cabeça ou enxaquecas, comparativamente com aqueles sem estes distúrbios.
 

De forma a tentar perceber se havia alguma ligação entre estas condições, os investigadores da Universidade de Istambul, na Turquia contaram com a participação de 107 indivíduos com enxaqueca episódica, 53 com dores de cabeça de tensão, 107 com síndrome do cólon irritável e 53 indivíduos saudáveis.
 

O estudo apurou que comparativamente com os indivíduos com dores de cabeça de tensão, aqueles com enxaqueca apresentavam o dobro do risco de terem síndrome do cólon irritável. Um total de 54% dos indivíduos com enxaqueca também tinha síndrome do cólon irritável, comparativamente com os 28% dos indivíduos com dores de cabeça de tensão. Dos pacientes com síndrome do cólon irritável, 38% tinha enxaqueca e 24% tinha também dores de cabeça de tensão.
 

Posteriormente, os investigadores analisaram a presença do gene transportador da serotonina e o gene do recetor da serotonina 2 em todos os pacientes e nos indivíduos saudáveis. O estudo apurou que os pacientes com síndrome do cólon irritável, enxaqueca ou dores de cabeça de tensão tinham pelo menos um gene diferente dos indivíduos saudáveis, o que sugere que as três condições parecem partilhar uma ligação genética.
 

“Uma vez que as dores de cabeça e a síndrome do cólon irritável são condições tão habituais e as causas são desconhecidas, a descoberta de uma possível ligação genética comum é encorajador”, revelou, em comunicado de imprensa, uma das coautoras do estudo, Derya Uluduz.
 

A investigadora acrescentou que, no entanto, são necessários mais estudos para explorar esta possível ligação. “A descoberta de genes partilhados pode conduzir a novas estratégias de tratamento para estas doenças crónicas”, concluiu.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.