Enfermeiros espanhóis abandonam Portugal

Dados da Ordem dos Enfermeiros

23 setembro 2009
  |  Partilhar:

A Ordem dos Enfermeiros (OE) registou uma diminuição de profissionais estrangeiros inscritos: de 2.135, em 2007, passou para 2.037 em 2008.

 

O total de profissionais registados na Ordem dos Enfermeiros é de 56.859 e o número de estrangeiros inscritos representa, actualmente, 3,5% daquele total, segundo dados revelados pelo jornal “Diário de Notícias”.

 

Refere o mesmo jornal que a descida do número de profissionais estrangeiros se deve, sobretudo, ao regresso dos enfermeiros espanhóis ao seu país: eles passaram de 1.362 para 1.232.

 

Contudo, os espanhóis ainda constituem o maior número de enfermeiros estrangeiros a trabalhar em Portugal. Na lista de profissionais estrangeiros, seguem-se os brasileiros (com 211), os angolanos (com 74) e os franceses (com 71).

 

No total, há profissionais de 42 nacionalidades inscritos na OE e a grande maioria dos imigrados são mulheres (76%).

 

Adianta ainda o mesmo jornal que o desemprego que afecta a classe tem conduzido a uma forte emigração dos enfermeiros portugueses, sobretudo para Espanha e Reino Unido.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 1 Comentar