Enfermeiros em greve

Profissionais protestam aumento da idade da reforma

29 junho 2005
  |  Partilhar:

 

 

Os quatro sindicatos dos enfermeiros convocaram para esta quarta-feira uma greve contra a decisão do Governo de aumentar a idade de reforma dos funcionários públicos, alegando que o prolongamento afecta a «qualidade» e a «segurança» dos cuidados prestados.
 

 

Segundo Guadalupe Simões, dirigente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), em declarações à Agência Lusa o aumento da idade da reforma proposta pelo Governo, dos 57 para os 65 anos, vem pôr em risco a «segurança» com que é exercida a actividade dos enfermeiros, pois «as condições do exercício da enfermagem nos hospitais não mudaram significativamente, apesar da alteração nas necessidades de cuidados de saúde».
 

 

Além disso, aponta a responsável, «o Estado é responsável por garantir a salvaguarda dos enfermeiros face ao risco e penosidade da profissão», de acordo com legislação datada de 1996, e que os profissionais de enfermagem «têm direito a exercer nas melhores condições físicas e psíquicas».
 

 

A paralisação, convocada no início de Junho, associa o SEP, o Sindicato dos Enfermeiros, o Sindicato dos Enfermeiros da Região Centro e o Sindicato dos Enfermeiros da Região Autónoma da Madeira.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.