Efeitos da osteoporose não são iguais em todo o País

Estudo da Universidade do Porto

12 julho 2006
  |  Partilhar:

 

As populações de Trás-os-Montes, Viseu, Ribatejo, Setúbal e Algarve são as mais sujeitas a complicações da osteoporose, revela um estudo do grupo de Análise Geográfica de Eventos de Saúde, coordenado por Fátima Pina, do Instituto de Engenharia Biomédica (INEB), da Universidade do Porto.
 

 

 

Uma análise espacial das fracturas do colo do fémur entre 2000 e 2002 (os últimos dados disponíveis) mostra padrões geográficos muitos significativos e distintos em Portugal, com algumas regiões a terem uma incidência cinco vezes superior relativamente a áreas de menor impacto como Alto Alentejo, Centro Sul ou Alto Minho.
 

 

Fonte: Diário de Notícias
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.