Educação sexual nas escolas?

Maioria dos portugueses diz «sim»

04 março 2004
  |  Partilhar:

Uma grande maioria dos portugueses, 78 por cento, concorda com a criação de uma disciplina de educação sexual nas escolas, contra 16 por cento de opiniões contrárias, segundo uma sondagem publicada quarta- feira pelo Diário de Notícias.Os residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Litoral Centro, pertencentes às classes média e alta, e com idades entre os 18 e os 54 anos, são os mais favoráveis à criação desta nova cadeira. No entanto, mais de metade dos inquiridos (53 por cento) afirma que cabe aos pais decidir se os filhos devem ou não frequentar estas aulas.Numa altura em que a despenalização do aborto é discutida na Assembleia da República, mais de metade dos inquiridos – 57 por cento - defende a distribuição de preservativos nas escolas, contra 34 por cento que não aceita esta prática.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.