E.Coli: Autoridades alemãs declaram fim do surto infeccioso
28 julho 2011
  |  Partilhar:

As autoridades sanitárias alemãs declararam o fim do surto infeccioso provocado por uma estirpe rara da bactéria E.coli, que fez várias dezenas de mortos na Europa.

 

O Instituto Robert Koch (RKI), agência federal para o combate a doenças, informou que nenhum caso de infecção foi detectado nas últimas três semanas, período que abrange o tempo de incubação da doença.

 

O surto infeccioso, detectado em Maio na Alemanha, fez um total de 52 mortes, das quais 50 em território alemão.

 

As outras duas vítimas mortais foram registadas na Suécia e nos Estados Unidos, respectivamente.

 

O surto infeccioso afectou mais de quatro mil pessoas na Alemanha, tendo sido registados diversos casos de doentes, mais de 800, com Síndrome Hemolítico Urémico, complicações renais graves causadas pela bactéria.

 

As complicações renais foram verificadas em outros 140 doentes, originários de 15 países.

 

Inicialmente, as autoridades sanitárias alemãs julgaram ter identificado, em Hamburgo, a estirpe mais perigosa da E.coli em pepinos importados de Espanha e emitiram igualmente avisos contra o consumo de tomate e de outros legumes crus para evitar o contágio.
A advertência à quebra do consumo destes legumes na Alemanha e em vários países da Europa provocou avultados prejuízos aos horticultores espanhóis.

 

Para atenuar parte dos referidos prejuízos, a União Europeia (UE) decidiu na altura criar um fundo de emergência para ajudar os horticultores comunitários.

 

No início de Julho, a UE decidiu proibir temporariamente a importação de sementes provenientes do Egipto, após ter estabelecido uma ligação entre um lote de feno-grego egípcio contaminado pela bactéria E.coli com o surto infeccioso que afectou vários países europeus, tendo, na altura, o Ministério da Agricultura egípcio rejeitado qualquer responsabilidade.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.