Dormir menos de seis horas aumenta risco de acidente vascular cerebral

Estudo realizado pela University of Alabama

14 junho 2012
  |  Partilhar:

Os indivíduos de meia-idade ou mais velhos que dormem, habitualmente, menos de seis horas diárias apresentam um maior risco de sofrerem um acidente vascular cerebral (AVC), sugere um estudo apresentando no congresso anual “SLEEP 2012”.

 

Para este estudo os investigadores da University of Alabama, nos EUA, acompanharam, ao longo de três anos, 5.666 indivíduos que tinham um peso considerado normal, apresentavam um baixo risco de apneia obstrutiva do sono e não tinham antecedentes ou sintomas de AVC e acidente isquémico transitório.

 

Os investigadores verificaram que os participantes que dormiam menos de seis horas tinham um risco quatro vezes maior de apresentaram sintomas de AVC. Por outro lado, foi verificado que não havia qualquer associação entre menores períodos de sono e o aparecimento de sintomas de AVC nos indivíduos que tinham excesso de peso ou eram obesos.

 

“Apesar de ser difícil de explicar o motivo desta associação, podemos especular sobre um possível mecanismo que envolve alterações nos níveis de colesterol, uma hormona do stress que pode estar aumentada nos indivíduos que têm períodos de sono mais curtos”, revelou, em comunicado de imprensa, Michael Frankel da Emory University.

 

Os níveis elevados desta hormona podem conduzir a disfunções nas células que revestem e protegem os vasos sanguíneos, despoletando uma cascata de eventos que conduzem ao AVC. Este processo pode explicar o motivo pelo qual os indivíduos que não apresentam fatores de risco vasculares habituais, como a obesidade, hipertensão e diabetes sofrem, ocasionalmente, um AVC.

 

No entanto, a líder do estudo, Megan Ruiter, referiu que, “o sono e os comportamentos associados com o sono são altamente modificáveis através de terapias cognitivas-comportamentais ou de intervenções farmacológicas. Estes resultados podem servir como base para a utilização de tratamentos do sono na prevenção do desenvolvimento do AVC”.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.