Dor crónica faz encolher o cérebro

Diminuição da massa cinzenta é irreversível

26 novembro 2004
  |  Partilhar:

 A dor crónica, nomeadamente das costas, pode reduzir de forma irreversível o tamanho do cérebro, sugere um estudo publicado nos Estados Unidos.Investigadores da Northwestern University já tinham observado uma redução de actividade no hipotálamo - uma área do cérebro com importância na tomada de decisões e no comportamento social - em pacientes com dores de costas.Agora, neste novo estudo divulgado pelo Journal of Neuroscience, a mesma equipa diz que algumas das alterações poderão ser irreversíveis e tornar ineficaz o tratamento da dor.A confirmar-se, torna-se ainda mais importante tratar a dor na fase inicial para evitar quaisquer alterações permanentes, disse Vania Apkarian, coordenadora do estudo.No seu trabalho, os investigadores fizeram scanners aos cérebros de 26 pacientes com dores de costas crónicas e outros 26 saudáveis.Os resultados indicam que os pacientes com dores crónicas causadas por danos no sistema nervoso sofreram reduções do cérebro da ordem dos 11 por cento, o equivalente à quantidade de massa cinzenta perdida em dez a 20 anos de envelhecimento normal.Segundo os investigadores, essas diminuições de volume - registada no córtex pré-frontal e no tálamo do cérebro - estão relacionadas com a duração da dor. De acordo com as suas estimativas, cada ano de dor parece reduzir a massa cinzenta em 1,3 centímetros cúbicos.O que os investigadores precisam agora de saber é se esta perda é permanente ou pode ser recuperada com tratamento.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.