Dois casos de tuberculose detectados em escola profissional de Viseu
05 fevereiro 2002
  |  Partilhar:

Dois casos de tuberculose foram detectados em alunos da
 

Escola Profissional da Fundação Mariana Seixas, em Viseu, que, no entanto, continua a funcionar normalmente, informou o director do estabelecimento de ensino.
 

 

Segundo Avantino Beleza, "não há motivos para alarme. A
 

autoridade sanitária achou que a escola não devia fechar".
 

 

Os dois casos foram detectados pelo Serviço de Luta Anti-
 

Tuberculose (SLAT) e um dos alunos, de 21 anos, "ficou em casa de quarentena por a sua situação ser considerada mais grave", mas o outro, de 18, encontra-se a frequentar as aulas normalmente, acrescentou.
 

 

De acordo com Avantino Beleza, apesar da preocupação
 

inicial de contágio dos colegas de turma dos dois alunos
 

detectados com tuberculose, "ninguém entrou em pânico, nem se registaram quaisquer faltas alegando ter receio de contrair a doença".
 

 

Os dois casos de tuberculose foram diagnosticados no
 

âmbito de um rastreio, a decorrer há três semanas, que a escola decidiu fazer aos seus cerca de 500 alunos, devendo a última turma ser analisada amanhã pelo SLAT.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.