Doentes tratados com soro de infectados pela SRA

Indivíduos com anticorpos à pneumonia atípica podem ajudar a curar a doença

07 maio 2003
  |  Partilhar:

O soro do sangue de indivíduos curados depois de sofrerem de pneumonia atípica revelou-se eficaz no tratamento de outros casos resistentes ao tratamento clínico clássico para o vírus da doença, anunciou hoje fonte médica em Hong Kong.
 

 

Segundo Gregory Chen, do total de 70 doentes tratados com o soro obtido do sangue de doentes que desenvolveram anticorpos depois de terem contraído a Síndroma Respiratória Aguda (SRA), cerca de 70% puderam sair do hospital 21 dias depois, o que não constitui ainda prova da eficácia do tratamento.
 

 

Desde o aparecimento da SRA em Hong Kong, há sete semanas, 193 dos 1.646 doentes infectados vieram a morrer. A SRA, mais conhecida por pneumonia atípica, surgiu em Novembro no sul da China, caracterizando-se por febres superiores a 38 graus centígrados, tosse e dificuldades respiratórias.
 

Em todo o mundo já provocou mais de 475 mortos, tendo atingido mais de 6.725 pessoas.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.