Doentes neuromusculares só precisam de ventilação nasal para viajar de avião

Estudo da Universidade do Porto publicada na revista “Thorax”

10 junho 2010
  |  Partilhar:

Os pacientes com doenças neuromusculares podem viajar de avião em segurança, com perfis de saturação de oxigénio iguais aos de indivíduos saudáveis, sem precisarem de recorrer a oxigénio suplementar, sugere um estudo da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), publicado na revista “Thorax”.

 

Os doentes neuromusculares apresentam patologias nos músculos, nos nervos ou na medula, e podem apresentar distúrbios respiratórios restritivos. Num voo aéreo, esses distúrbios podem traduzir-se em hipoxemia (diminuição dos níveis de oxigénio na corrente sanguínea) e hipoventilação (diminuição da quantidade de ar que entra e sai dos pulmões durante a respiração).

 

A equipa de investigação do Serviço de Pneumologia da FMUP, liderada por João Carlos Winck, avaliou dois pacientes com doença neuromuscular, durante voos do Porto para Barcelona, com duração de cerca de duas horas: uma mulher de 36 anos com miopatia mitocondrial e um homem tetraplégico de 50 anos. Ambos receberam ar por meio de ventilação não-invasiva contínua, através de uma peça bucal ou de uma máscara nasal, durante todo o voo.

 

Tradicionalmente, quando viajam de avião, os pacientes com doenças pulmonares graves necessitam de suplemento de oxigénio para evitar complicações. “Até agora nunca se tinha monitorizado a respiração durante o voo em doentes com insuficiência respiratória de origem neuromuscular, pelo que se poderia pensar que seria necessário oxigénio suplementar também neste contexto”, refere o comunicado de imprensa da FMUP, acrescentando que, no entanto, se concluiu que “apenas a ventilação nasal e não o oxigénio pode normalizar a hipoventilação”.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.