Doenças Periodontais relacionadas com maior risco de desenvolver Cancro

Estudo apresentado na revista “Lancet Oncology”

27 maio 2008
  |  Partilhar:

Infecções na gengiva podem ser um sinal de um maior risco de desenvolver cancro, tanto em fumadores como em não-fumadores, segundo um estudo realizado pelo Imperial College de Londres e publicado na revista “Lancet Oncology”.
 

 

A equipa estudou registos médicos de 50 mil homens norte- americanos desde 1986 e concluiu que os que apresentavam problemas nas gengivas tinham 30% mais hipóteses de ter cancro no sangue, tal como leucemia, um risco 36% maior de cancro no pulmão, mais 50% no risco de desenvolver cancro no rim e um aumento semelhante no risco de cancro no pâncreas.
 

 

Pesquisas anteriores sugeriram que o risco era maior entre fumadores, mas o estudo do Imperial College sugere que mesmo em não-fumadores a presença de infecção nas gengivas pode representar um maior risco de cancro.
 

 

Os cientistas não constataram um aumento no risco de cancro no pulmão em não-fumadores com histórico de infecções nas gengivas, mas verificaram um ligeiro aumento no risco geral de cancro neste grupo - e um aumento comparável ao registado em fumadores nos casos de cancro no sangue.
 

 

Segundo o estudo: "Os resultados indicam uma associação na resposta do sistema imunitário à inflamação, o que pode levar a uma maior susceptibilidade de desenvolver tanto doenças periodontais como cancro hematológico. Ou, por outro lado, a bactéria que causa a infecção nas gengivas possa estar directamente relacionada com o desenvolvimento de cancro nos tecidos da boca e da garganta.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.