Doenças complexas: aparelhos vão ajudar na sua monitorização

Estudo do Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologias

29 julho 2013
  |  Partilhar:

O Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologias, em Braga, vai desenvolver aparelhos especiais de monitorização e acompanhamento de pacientes com doenças complexas.
 

Este projeto, denominado de Invennta, tem como objetivo desenvolver um “espaço colaborativo de equipas de investigação mistas em nanomedicina”, apoiadas por modelos de transferência de tecnologia, com a “finalidade de criar emprego e desenvolvimento socioeconómico da eurorregião”, explicou à agência Lusa uma fonte da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N).
 

O projeto científico tem também como objetivo desenvolver novos dispositivos na área da neurologia, que no futuro possam ser incorporados em protocolos de telemedicina e que permitam diagnósticos rápidos e terapias apropriadas ou fomentar ações de investigação aplicada no desenvolvimento de terapias contra o cancro.
 

De acordo com informações da CCDR-N, o projeto Invennta inclui-se num conjunto de novos projetos a cooperação entre Portugal e Espanha que vão receber apoios comunitários.
 

O Programa de Cooperação Espanha-Portugal aprovou um novo pacote de apoio comunitário de "16 milhões de euros" para 20 projetos transfronteiriços para desenvolver a cooperação entre Portugal e Espanha, informou a CCDR-N.
 

Um outro projeto que vai ser apoiado com aqueles fundos comunitários é o ‘Novomar - Inovação em Nanomedicina’, cujo promotor é a Universidade do Minho, em parceria com a Faculdade de Ciências e Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, o Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIMAR), o Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), a Universidade Católica Portuguesa e diversos centros científicos e tecnológicos da Galiza.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.