Doença de Alzheimer: o papel do colesterol

Estudo publicado na “Science”

06 junho 2012
  |  Partilhar:

Investigadores americanos obtiveram a estrutura tridimensional de uma proteína envolvida na doença de Alzheimer e descobriram que esta se liga, surpreendentemente, ao colesterol. Esta descoberta publicada na “Science” poderá conduzir a novos tratamentos contra esta doença neurodegenerativa.

 

Neste estudo os investigadores da Vanderbilt University, nos EUA, determinaram a estrutura de uma parte da proteína precursora da beta-amilóide (APP, a sigla em inglês), que dá origem à beta-amilóide, a qual por sua vez despoleta a doença de Alzheimer.

 

Em condições normais a proteína beta-amilóide é degradada continuamente, contudo certas variações genéticas podem alterar este processo. “Qualquer coisa que diminua a produção da beta-amilóide pode ajudar a prevenir, ou tratar, a doença de Alzheimer”, revelou, em comunicado de imprensa um dos autores do estudo, Charles Sanders.

 

Os autores explicam que a produção da proteína beta-amilóide necessita da clivagem da APP que dá origem à C99 a qual é posteriormente clivada por outra enzima dando origem à beta-amilóide.

 

Após terem determinado a estrutura tridimensional da C99 e de a analisaram, os investigadores descobriram que esta se ligava ao colesterol. “Há muito tempo que se pensa que, de alguma forma, o colesterol promovia a doença de Alzheimer, mas os mecanismos não estavam bem estabelecidos”, disse o investigador. “A ligação do colesterol à C99 talvez aumente  a probabilidade de ocorrência da doença”.

 

Os investigadores propuseram que a ligação do colesterol pode mover a APP para regiões específicas da membrana celular que contém as enzimas envolvidas na clivagem desta proteína e consequentemente na produção da beta-amilóide.

 

“Se conseguíssemos desenvolver um fármaco que impedisse esta ligação, seria possível impedir que a proteína fosse para estes domínios. Em vez disso, a proteína seria clivada por outra enzima não sendo gerada desta forma a beta-amilóide”, conclui Charles Sanders.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Classificações: 2Média: 4.5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.