Doença Bipolar em discussão

Associação de Apoio aos Doentes Depressivos e Bipolares promove encontro em Lisboa

12 abril 2006
  |  Partilhar:

 

Doentes, familiares e especialistas vão debater esta quarta-feira, no restaurante Piazza Di Mare, em Lisboa, a doença bipolar, um distúrbio psiquiátrico que se caracteriza pela alternância de estados de euforia e de depressão e que afecta entre um a três por cento da população.
 

 

O que é ser doente bipolar na sociedade portuguesa; o papel da Associação de Apoio aos Doentes Depressivos e Bipolares (ADEB) na inserção dos doentes na sociedade activa; o estigma em torno da patologia; panorama português e internacional da doença; a importância do apoio familiar nas fases mais problemáticas do doente e qual o caminho futuro para melhorar a qualidade de vida dos doentes, serão alguns dos temas a debater durante a sessão com os diversos oradores presentes.
 

 

O painel de oradores é composto pelo presidente ADEB, doentes bipolares, familiares e médicos que traçarão o retrato nacional do problema em Portugal nas suas diversas vertentes.
 

 

A doença bipolar é uma perturbação psiquiátrica frequente e grave, que afecta 1 em cada 10 portugueses, e que se caracteriza por intensas variações do humor onde alternam episódios de depressão com episódios de humor persistentemente elevado, expansivo ou irritável. Os doentes com perturbação bipolar apresentam um risco superior para o suicídio. Homens e mulheres têm igual probabilidade de desenvolver a doença. As consequências deste distúrbio podem ser devastadoras, e podem conduzir ao divórcio, desemprego, alcoolismo e abuso de drogas.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.