Disseminação do cancro da mama pode ser impedida com antiasmáticos

Estudo publicado na “PLoS ONE”

08 novembro 2010
  |  Partilhar:

Um fármaco utilizado no tratamento da asma impede a disseminação das células do cancro da mama habitualmente resistentes à quimioterapia, de acordo com um estudo publicado no “PLoS ONE”.

 

O tranilast é um fármaco comummente utilizado no Japão e na Coreia do Sul há mais de duas décadas para o tratamento da asma e de alergias, como a rinite alérgica e a dermatite atópica. Este fármaco liga-se a uma molécula conhecida por “receptor de hidrocarboneto aromático”, que regula o crescimento celular e alguns aspectos da imunidade, tornando-o benéfico no tratamento de alergias, doenças inflamatórias e cancro.

 

Para este estudo, os investigadores do St Michael's Hospital e da University of Toronto, em Toronto, Canadá, utilizaram células estaminais do cancro da mama e injectaram-nas em dois grupos de ratinhos, incluindo um grupo, que também foi tratado com tranilast.

 

Os investigadores descobriram que o fármaco reduzia o crescimento do tumor canceroso primário em cerca de 50% e impedia a disseminação do cancro para os pulmões. Foi também identificada pelos autores do estudo uma molécula da célula tumoral que se liga ao tranilast e que parece ser a responsável por este efeito anti-cancerígeno.

 

Em comunicado enviado à imprensa o líder da investigação, Gerald Prud'homme, refere que "pela primeira vez, fomos capazes de demonstrar que o tranilast mostrou ser promissor no tratamento do cancro de mama em níveis geralmente bem tolerados pelos pacientes que utilizam este fármaco para outras condições médicas. Estes resultados são muito encorajadores (…) mas serão necessários mais estudos para determinar se o fármaco é eficaz contra diferentes tipos de cancro da mama e outros cancros, e a sua interacção com fármacos anti-cancerígenos.”

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.