Dispositivo inovador pretende evitar amputações a diabéticos

Projecto do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto

26 abril 2007
  |  Partilhar:

 

Investigadores do Porto desenvolveram um dispositivo médico, denominado WalkinSense, direccionado para a prevenção e a avaliação dos efeitos do Pé Diabético.
 

 

A Tomorrow Options - Microelectronics S.A., o novo "spin-off" do INESC Porto (Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto, Laboratório Associado), apresentou recentemente o seu primeiro produto, que recolhe dados sobre a distribuição do peso do corpo na planta do pé e sobre a mobilidade, caracterizando os movimentos dos pacientes.
 

 

Paulo Santos, director da empresa, explica que o dispositivo é composto por sensores, que o médico coloca nas palmilhas do doente. “Os sensores permitem uma monitorização em tempo real, porque armazena e processa os dados para o médico avaliar, tendo em conta o quotidiano do doente, sem o limitar a um laboratório".
 

 

Os ensaios clínicos vão decorrer no Hospital de Santo António, no centro norte-americano Clear, "Center for Lower Extremity Ambulatory Research", e na clínica britânica Diabetic Foot Clinic (Bristol Royal Infirmary).
 

 

O dispositivo poderá ser comercializado em Fevereiro ou Março de 2008 e os custos de cada produto deverão rondar os 2000 a 2200 euros.
 

 

Fonte: Jornal de Notícias
 

MNI- Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.