Dinamarca proíbe 18 produtos da kellogg

Consumo regular pode causar problemas à saúde, segundo comunicado

11 agosto 2004
  |  Partilhar:

 As autoridades de saúde dinamarquesas proibiram a venda de vários produtos enriquecidos com vitaminas da empresa produtora de cereais Kellogg, afirmando que podem ser prejudiciais à saúde se ingeridos com regularidade. Os 18 produtos incluem versões enriquecidas de marcas tão populares como os Corn Flakes, os Rice Krispies e o Special K, que iriam ser lançadas no mercado dinamarquês no final deste ano. «Recusámos várias candidaturas para um número de produtos enriquecidos por terem efeitos tóxicos nas doses usadas pela Kellogg», disse Paolo Drotsby da Agência de Alimentação e Veterinária Dinamarquesa, citado pela Reuters. O responsável afirmou que estes produtos, se forem tomados com regularidade, poderão danificar o fígado e rins das crianças e causar problemas aos fetos quando ingeridos por mulheres grávidas. O departamento de marketing da Kellogg nórdica não comentou a decisão das autoridades de saúde. Apesar das tentativas, não foi também possível obter um comentário por parte dos representantes da marca em Portugal. Fonte: Público

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.