Dieta rica em cálcio pode aumentar longevidade em mulheres

Estudo publicado em “The Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism”

26 agosto 2013
  |  Partilhar:

A adoção de uma dieta rica em cálcio, independentemente da sua fonte, aumenta a longevidade nas mulheres, indica um estudo de investigadores canadianos.

 

O organismo necessita de bons níveis cálcio para construir e manter uma boa estrutura óssea. A dose mínima diária recomendada de cálcio para homens e mulheres até aos 50 anos de idade é de 1.000 mg. A partir dos 51 anos, para as mulheres, e dos 71 para os homens, a dose passa a ser de 1.200 mg diários. Se uma criança tiver falta de cálcio poderá não conseguir atingir a sua potencial altura máxima. Num adulto a falta de cálcio pode conduzir à perda de massa óssea, que constitui um fator de risco para a osteoporose.

 

Segundo os resultados do estudo, as mulheres que tomam suplementos de cálcio de até 1.000mg por dia poderão ter mais longevidade, em relação a mulheres que não tomam suplementos. No âmbito deste estudo, os cientistas verificaram que, independentemente da fonte de cálcio, os benefícios para as mulheres foram os mesmos.

 

“Os mesmo benefícios foram observados quer o cálcio fosse oriundo de produtos lácteos, de produtos não-lácteos ou de suplementos”, observou David Goltzman, investigador líder do estudo.

 

A equipa de investigadores da McGill University, no Canadá, baseou-se num estudo de larga escala “Canadian Multicenter Osteoporosis Study” para a sua pesquisa. David Goltzman e a equipa monitorizaram a saúde de 9.033 homens e mulheres, entre 1996 e 2007, tendo analisado o impacto dos suplementos de cálcio em termos de benefícios para a saúde.

 

Para conseguir obter-se uma boa fonte de cálcio deve-se seguir uma alimentação que privilegie os seguintes alimentos: produtos lácteos, tal como leite, queijo e iogurte; peixe com espinhas comestíveis, tal como sardinhas enlatadas; hortaliças folhosas de coloração verde escura como os brócolos e o espinafre, alimentos e bebidas fortificadas com cálcio como produtos derivados da soja, cereais e sumos de fruta.

 

Apesar dos benefícios do cálcio nas mulheres, demonstrados no presente estudo, uma pesquisa de 2011 na Austrália revelou que os suplementos prescritos às mulheres na fase da pós-menopausa pareciam aumentar o risco de episódios cardiovasculares em mulheres de idade mais avançada. 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.