Dieta mediterrânica na UNESCO

Espanha candidatou a dieta a património cultural imaterial

20 julho 2007
  |  Partilhar:

 

A Dieta Mediterrânica pode vir a tornar-se património cultural imaterial da UNESCO.
 

 

A iniciativa para a candidatura partiu da Espanha, mas conta com o apoio expresso de Portugal, França, Grécia e Itália.
 

 

A Dieta Mediterrânica - à base de sopas, legumes grelhados e assados - tem fortes possibilidades de se tornar património cultural imaterial da UNESCO.
 

 

O objectivo é dar a conhecer ao resto do mundo a alimentação e tradição que predominam nos países mediterrânicos e fomentar a comida saudável.
 

 

A Comissão Europeia também já se mostrou disponível para cooperar.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar