Dia Mundial Sem Tabaco

Cada vez menos portugueses fumam

30 maio 2004
  |  Partilhar:

O Dia Mundial Sem Tabaco, que se assinala esta segunda-feira se assinala, é cada vez mais vivido por um número crescente de portugueses que recorre às consultas e aos medicamentos para parar de fumar, indicam os especialistas.«O número de pessoas que recorre às consultas [de desabituação tabágica] é cada vez maior», realça Margarida Simões Raposo, secretária da Comissão Coordenadora do Tabagismo da Sociedade Portuguesa de Pneumologia, em declarações à Agência Lusa.Nem as longas listas de espera para a primeira consulta, que em alguns hospitais do Serviço Nacional de Saúde ultrapassam os sete meses, parecem desmotivar os que procuram ser ex-fumadores.Dados da empresa de análise de mercado IMS Health revelam que entre Setembro de 2003 e Abril deste ano as vendas totais dos substitutos de nicotina (medicamentos que transmitem nicotina ao corpo do fumador para o desabituar do consumo de tabaco) subiram 81,6 por cento, correspondendo a 92.100 unidades vendidas.Em Portugal, e de acordo com o Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento (Infarmed), existem actualmente dois medicamentos de substituição de nicotina não sujeitos a receita médica, enquanto os restantes 24 fármacos só podem ser adquiridos sob prescrição.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.