Dia do Animal de Laboratório assinalado hoje
23 abril 2002
  |  Partilhar:

Uma pasta de dentes é inofensiva? Estará um champô inocente? Terá o detergente mais utilizado "cadastro" limpo? Se falassem, os milhares de animais que são usados para testar a qualidade destes produtos responderiam que não.
 

 

Em nome destas "cobaias" foi instituído o Dia do Animal de Laboratório, que se assinala hoje, momento aproveitado por dois movimentos de defesa dos direitos dos animais para apelar ao boicote aos produtos de uma multinacional, no concelho de Oeiras.
 

 

O Grupo de Acção e Intervenção Ambiental (GAIA) e o Planeta Azul agendaram para hoje o protesto frente à Procter &icom; Gamble. No entanto, fonte da empresa disse à Agência Lusa que a multinacional não pratica experimentação animal, a não ser em "investigação farmacêutica e quando não existem alternativas". Por esta razão, estranha a iniciativa das duas associações, assim como a ausência de pedido de negociações por parte dos movimentos, ao contrário do que tem acontecido em outros países da União Europeia.
 

 

Nos casos em que é necessária a experimentação em animais, fonte da Procter and icom; Gamble assegurou à Lusa que é feita "por entidades credenciadas pelo governo e seguindo normas éticas e legais estritas".
 

 

O dirigente do GAIA Gualter Barbas Baptista explicou à Lusa que esta "acção simbólica" visa protestar contra a utilização de animais na experimentação de produtos comercializados pela multinacional, como champôs, pastas de dentes, perfumes ou tampões. Produtos que, segundo a mesma fonte da multinacional, "não são testados em animais".
 

 

Leia mais no Diário de Notícias
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.