Desvendadas células que originam sarcoma de Ewing

Estudo do Instituto Curie de Paris

15 maio 2007
  |  Partilhar:

Investigadores franceses do Institut Curie de Paris descobriram as células que provocam o sarcoma de Ewing, um tumor ósseo maligno que afecta sobretudo adolescentes, informou a instituição em comunicado. Duas equipas, dirigidas pelos professores Olivier Delattre e Pierre Charbord, descobriram que esta doença se produz em células do tecido conjuntivo, que serve de apoio a outros tecidos. Em 1992, uma equipa também liderada pelo professor Olivier Delattre descobriu a origem do sarcoma de Ewing: "um intercâmbio acidental de material genético entre dois cromossomas" que provoca a formação de um gene mutado que produz uma proteína anómala denominada como EWS/FLI-1. Os trabalhos destes investigadores permitiriam, dois anos depois, concluir um diagnóstico para o tumor, mas até agora desconhecia-se a natureza das células nas quais a mutação conduz ao desenvolvimento da doença. Os investigadores conseguiram, ainda, inibir a proteína EWS/FLI-1 que causa o tumor e desta forma as células afectadas recuperaram as suas funções originais. O sarcoma de Ewing, que afecta adolescentes durante o período de maior crescimento dos ossos, entre os 12 e os 20 anos, ao atingir sobretudo os ossos dos membros inferiores: o actual tratamento, à base de quimioterapia e de cirurgia, pode deixar sequelas motoras. Fontes: Lusa e Imprensa Internacional MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.