Desenvolvido novo fármaco para a hepatite C

Estudo publicado na “Science”

10 dezembro 2009
  |  Partilhar:

Um novo fármaco para o tratamento da hepatite C mostrou bons resultados em testes com primatas, revela um estudo publicado na edição online da revista “Science”.

 

Segundo dão nota os investigadores da Southwest Foundation for Biomedical Research (SFBR), no Texas, EUA, o fármaco, designado por SPC3649, recorre a uma nova estratégia para impedir a replicação do vírus da hepatite C (VHC).

 

Ao contrário de outros antivirais, que têm como alvo o próprio vírus, este novo fármaco direcciona-se para uma pequena molécula de RNA no fígado (MIR 122), necessária para que haja replicação do vírus. Ao inibir a molécula, o SPC3649 diminuiu, de forma muito significativa, a carga viral no fígado e na corrente sanguínea dos chimpanzés que receberam a dose mais alta.

 

O estudo destaca ainda que o vírus não mostrou sinais de resistência ao SPC 3649 e que a quantidade de vírus circulante permaneceu baixa mesmo após vários meses depois do final do tratamento.

 

Segundo adiantou à revista o líder da investigação, Robert Lanford, “este novo antiviral (SPC 3649) poderá ser usado sozinho para deter a progressão da doença e há indicações de que pode reverter a falta de resposta ao interferão (um dos fármacos usados actualmente para tratamento da hepatite C mas que não funciona em todos os pacientes), dessa forma os pacientes poderão ser tratados com os dois fármacos”.

 

Os testes foram realizados em chimpanzés, dado que, para além do homem, eles são os únicos animais que contraem hepatite, uma das principais causas de desenvolvimento de cancro no fígado.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.