Descoberto mecanismo que torna os cabelos brancos

Estudo publicado na revista “Cell”

27 junho 2011
  |  Partilhar:

Um novo estudo realizado por investigadores da New York University Langone Medical Center, EUA, mostrou, pela primeira vez, que a via de sinalização Wnt, já conhecida por controlar muitos processos biológicos entre folículos pilosos e células estaminais dos melanócitos, pode ser responsável pela pigmentação do cabelo, aponta um estudo publicado na revista “Cell”.

 

"Sabemos há décadas que as células estaminais do folículo piloso e  os melanócitos produtores de pigmento colaboram para produzir cor no cabelo, mas as razões eram desconhecidas. O que nós descobrimos é que a sinalização de Wnt é essencial para a acção coordenada destas duas linhagens de células estaminais e crítica para a pigmentação do cabelo", disse, em comunicado, o líder da investigação, Mayumi Ito.

 

O estudo sugere que a manipulação dessa via de sinalização é uma nova estratégia para, por exemplo, reverter os cabelos grisalhos para a sua cor original. A pesquisa também ilustra um modelo para a regeneração dos tecidos. "O corpo humano tem muitos tipos de células estaminais que têm o potencial de regenerar outros órgãos", disse Mayumi Ito, acrescentando que “os métodos por trás da comunicação entre as células estaminais do cabelo e a cor de cabelo durante a substituição normal de cabelo podem dar pistas importantes para regenerar órgãos complexos que contenham muitos tipos diferentes de células."

 

Para o estudo, os investigadores usaram modelos de ratinhos (geneticamente manipulados) com os quais conseguiram analisar como a via de sinalização Wnt permitiu às células estaminais do folículo piloso e dos melanócitos trabalharem em conjunto para gerar o crescimento do cabelo e produzir a cor do cabelo.

 

Na investigação também ficou demonstrado que a diminuição (ou inibição ou alteração anormal) da sinalização de Wnt nas células estaminais do folículo piloso não só inibe a substituição normal do cabelo, mas também impede a activação das células estaminais dos melanócitos necessárias para a produção de cor no cabelo. A falta de activação de Wnt nas células estaminais dos melanócitos leva o cabelo a ficar despigmentado ou cinzento.

 

O estudo levanta a possibilidade de que a sinalização de Wnt é uma via fundamental para a regulação das células estaminais dos melanócitos e mostra como o comportamento dos melanócitos está associado com a regeneração do cabelo. Esta visão fornece um maior conhecimento das doenças que levam a perda de melanócitos, como é o caso dos cabelos grisalhos, ou submetidos a crescimento celular descontrolado, como no caso do melanoma.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 2Média: 4
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.