Descoberto mecanismo da formação de metástases no pulmão

Estudo publicado na revista “Nature Cell Biology”

29 setembro 2008
  |  Partilhar:

Cientistas japoneses descobriram o mecanismo que leva um tumor primário a gerar metástases no pulmão, indica um estudo publicado pela revista científica britânica “Nature Cell Biology”.
 

 

O tumor primário prepara o pulmão para a sua invasão através de quemoquinas (substâncias inflamatórias que invadem o tecido pulmonar e guiam a migração das células cancerígenas para esse órgão, onde se agrupam em metástases).
 

 

Além disso, a equipa de investigadores japoneses da Tokyo Women''s Medical University School of Medicine descobriu que os tumores primários também impelem as células do pulmão a produzirem um factor químico adicional, o serum amilóide A3 (SAA3).
 

 

Este factor acelera o recrutamento de células tumorais primárias ao activar os genes implicados na inflamação e ao estimular a produção de quemoquinas.
 

 

Numa experiência com ratinhos de laboratório, os investigadores conseguiram reduzir "significativamente" as metástases do pulmão através do bloqueio do SAA3 e dos seus receptores. Neste sentido, consideraram que a descoberta poderá contribuir para o desenvolvimento de fármacos que impeçam a expansão do cancro. Por outro lado, acrescentaram, abre pistas para entender como é que as células cancerígenas podem estabelecer novos tumores em lugares distantes do tumor inicial.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.